segunda-feira, 13 de outubro de 2014

PMBOK: Ferramentas e Técnicas - Análise das Causas Raiz (RCA Root Cause Analysis)




Provavelmente o exemplo que permite perceber melhor a diferença entre tratar os sintomas e tratar as causas, pode ser dado recorrendo à medicina. De facto já todos tivemos dores de dentes e a maioria optou por tomar um qualquer analgésico que combata o sintoma que nos incomoda (a dor) permitindo-nos suportar melhor o tempo até á inevitável deslocação ao dentista pois só um especialista em problemas dentários pode investigar, descobrir a causa que está na origem da dor de dentes, e realizar um tratamento que, por incidir na causa e não no sintoma) será mais eficaz e permanente.

Esta descrição trivial de uma situação pela qual todos já passamos tem a virtude de permitir perceber com clareza a importância que tem, nos mais variados contextos, a análise e a resolução de problemas baseada na identificação e correção das causas raiz (root cause analysis).

Do exemplo acima extrai-se ainda outras conclusões:

  1. A análise das causas raiz é um processo de investigação. Portanto devemos conhecer as fases do processo para o podermos aplicar com sucesso
  2. A análise das causas raiz é um processo complicado, que exige tempo e disponibilidade para aprofundar o conhecimento sobre o problema cujas causas se pretendem identificar
  3. Tem vantagens se o processo de análise das causas raiz for realizada por pessoas com experiência na área que em que o problema ocorre