terça-feira, 31 de maio de 2011

PMBOK v5: 13.1 Identificação das Partes Interessadas (Stakeholders)

Os principais grupos de interessados são sobejamente conhecidos de todos os que gerem projetos (promotor, a equipa de projeto, o cliente, o grupo de interessados críticos para o sucesso, etc.) neste artigo pretendemos abordar aspetos menos conhecidos dos processos de identificação e gestão das partes interessadas.


PMBOK v5: 4.1 Criar Documento de Inicio do Projeto (Project Charter)

Como o próprio nome indica o Documento de Inicio do Projeto (Project Charter) é o primeiro documento formal de qualquer projeto. Depois de aprovado e assinado por um gestor sénior (habitualmente o patrocinador /sponsor do projeto), ele constitui o reconhecimento formal de que determinado projeto existe e tem um gestor nomeado o qual está autorizado a consumir um montante determinado de recursos da organização.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Normas ISO 14598 / 9126 Definir os Requisitos de Avaliação


O objetivo da avaliação da qualidade de software consiste em apoiar o desenvolvimento e a aquisição de software, de forma a garantir o cumprimento das necessidades do utilizador e do cliente. O objetivo final é assegurar que o produto satisfaz as necessidades explícitas e implícitas das diversas categorias de utilizadores - operadores, destinatários da informação ou técnicos de manutenção – fornecendo, desta forma, a qualidade requerida.


sexta-feira, 27 de maio de 2011

Desenho de Experiências (DOE)

O Desenho ou Planeamento de Experiências (DOE) é uma técnica estatística utilizada na análise dos problemas de qualidade e da melhoria contínua do desempenho de qualquer processo produtivo.


Normas ISO 14598 / 9126 para Avaliação da Qualidade do Software


Um dos principais problemas com que se depara a engenharia de software é a dificuldade em medir a qualidade.

Existentes desde 2001, As normas internacionais de avaliação da qualidade de produtos de software são compostas por duas famílias de normas. A norma ISO/IEC 14598 onde se descreve o processo de qualidade, organizado de acordo com três diferentes objetivos de avaliação – da equipa de desenvolvimento, do comprador do produto e do avaliador independente ou auditor, e a norma ISO/IEC 9126 que apresenta o modelo de qualidade.


quinta-feira, 26 de maio de 2011

Qualidade do Processo e Produto com CMMI


Desde as primeiras versões que a metodologia CMMI para o desenvolvimento de software inclui, na área de processos de suporte, um processo que aborda as questões da qualidade de processos e do produto (AQPP – Assegurar a Qualidade de Processos e Produtos) visando permitir, aos técnicos de desenvolvimento e aos diversos níveis de gestão, uma perceção correta da qualidade dos processos implementados e respetivos produtos associados.


quarta-feira, 25 de maio de 2011

Mapeamento de Processos (SIPOC)

O mapeamento de processo permite uma visão abrangente do fluxo de trabalho, materiais e informações, e o entendimento da sua relação com os restantes recursos organizacionais. Dessa forma o objectivo do mapeamento de processos é o de representar as diversas atividades necessárias à realização e entrega de um determinado produto ou serviço.

Modelo de Qualidade do PMBOK©


Os processos de gestão da qualidade são descritos no capítulo 8 do PMBOK© e incluem todas as atividades que determinam as responsabilidades, os objetivos e as políticas de qualidade, de modo a garantir que o projeto responde às necessidades que motivaram a sua realização.


terça-feira, 24 de maio de 2011

Qualidade de Processos. Integração do PMBOK com o CMMI


Historicamente, a abordagem às questões da qualidade tem evoluído de uma ótica de inspeção, na tentativa de evitar que produtos defeituosos sejam entregues ao cliente, para um modelo que usa a qualidade dos processos como forma de fornecer ao cliente um produto de qualidade.


A Origem do 6-Sigma


Embora tenha sido formalmente iniciado na Motorola nos anos 80, as raízes do 6-Sigma foram estabelecidas muitas décadas antes. O modelo estatístico subjacente ao 6-sigma foi criado pelo gestor de qualidade americano Joseph Juran em meados dos anos 50, fruto de mais de 30 anos de pesquisa iniciados quando em 1926, terminados os estudos de Engenharia na universidade do Minnesota, ingressa como gestor da qualidade na Western Electrical Company.


segunda-feira, 23 de maio de 2011

Processos de Inicio no PMBOK

O início do projeto consiste na formalização do reconhecimento da necessidade do projeto e da respetiva afetação de recursos.

As organizações existem para gerar lucro ou para servir o público. Para se manterem competitivas, as organizações devem avaliar a sua concorrência e os seus clientes, procurando sistematicamente novas formas de negócio e processos mais eficientes de atuar, de forma a conseguirem ser as preferidas dos seus clientes.


Necessidade de Qualidade no Software

Para a maioria das organizações atuais, os sistemas de informação são críticos para o negócio, o que faz da qualidade do software um fator de primordial importância por quatro ordens de razões:

Primeiro, uma cada vez maior dependência em relação a sistemas transversalmente integrados e que penetram profundamente todas as funções da organização, quando não são a própria organização, tem por consequência que as funções disponibilizadas pelas aplicações informáticas devem ser confiáveis e sempre disponíveis.

Segundo, a “desintermediação” (utilização direta do software da organização por parte dos clientes), provocada pela generalidade das "nets" e a crescente exigência dos utilizadores – internos ou externos - fruto de uma cada vez maior incapacidade para lidarem com erros aplicativos ou com a consulta e aprendizagem através de qualquer tipo de documentação, coloca uma pressão acrescida sobre os serviços de suporte técnico.

Terceiro, a exigência para a inovação. Os utilizadores esperam que as aplicações informáticas evoluam de uma forma contínua de forma a permanentemente responder às alterações das suas necessidades.

Quarta, a pressão dos custos e a incapacidade para flexibilizar e ajustar as competências internas, tem originado uma perda de qualidade dos departamentos internos de desenvolvimento, muitas vezes assoberbados pela necessidade de manter sistemas antigos e complexos.


sexta-feira, 20 de maio de 2011

Novidades no PMBOK v5

Como é do conhecimento geral, o PMI encontra-se na fase final do desenvolvimento da nova versão da sua metodologia de gestão de projetos. A versão 5 do PMBOK tem data de apresentação prevista para o primeiro trimestre de 2012, sendo que poucos meses depois deveremos ter exames de certificação completamente alinhados com o novo PMBOK.


quinta-feira, 19 de maio de 2011

Qualidade de Software sob Pressão


Publicado em: http://www.computerworld.com.pt/2011/03/21/qualidade-de-software-sob-pressao/
21 de Março de 2011 às 19:38:36 por João Nóbrega


A Gartner diz que as organizações de verificação da qualidade do software estão a sofrer grandes pressões para reduzir custos e elevar o nível das aplicações. O cloud computing e os métodos de desenvolvimento “ágil” estão a mudar o mercado.


segunda-feira, 16 de maio de 2011

Os Processos do PMBOK© v5

Ciclo de Vida de um Projeto
Conforme o referido no artigo relativo à certificação PMP, a versão atual do PMBOK v5 descreve o corpo da metodologia de gestão de projetos proposta pelo PMI. Dessa metodologia constam 47 processos agrupados em 5 Grupos de processos correspondentes às diversas fases de um ciclo de vida de projeto genérico:
Cada processo é constituído por um ou vários documentos de entrada que são usados durante o processo e transformados, com recurso a um conjunto de ferramentas e técnicas em documentos de saída (ou resultados do processo).


terça-feira, 10 de maio de 2011

PMI Disponibiliza Certificação Ágil em Gestão de Projetos

Reconhecendo a importância que as metodologias ágeis têm vindo a assumir nos últimos anos (as organizações e os PMO’s, cada vez mais solicitam aos seus PMs que usem técnicas ágeis na gestão de projectos. 68% usam já neste momento práticas aderentes aos princípios ágeis) o PMI decidiu lançar uma certificação adaptada a esses novos requisitos (PMI ACP Agile Certified Practitioner).

segunda-feira, 9 de maio de 2011

O que é o Six-Sigma (6-Sigma)?


O 6-Sigma é uma metodologia abrangente e flexível centrada na eliminação dos defeitos dos processos organizacionais com o objectivo de proporcionar aos seus clientes um serviço ou produto próximo da perfeição (ver o artigo Melhorando a Qualidade com 6-Sigma).

O termo 6-Sigma, decorre da estatística e representa a variação mínima desejada no decorrer dos processos que têm impacto nos cliente. Ao reduzir a probabilidade de falhas e defeitos é optimizada a relação com o cliente e consequentemente o desempenho da organização em termos operacionais e financeiros.


Cursos Online Gratuitos

Para quem está interessado em formação gratuita, têm aqui uma excelente oportunidade. O site http://www.nextgenerationcenter.com/ oferece cursos na área das tecnologias de informação entre os quais formação em:

  • CRM e ERP;
  • Software Livre;
  • Web 2.0;
  • Voip;
  • Gestão de TI;
  • Gestão da Integração de SI/TI;
  • Web Services;
  • TI na Educação.
Vale a pena olhar com atenção para esta oferta, pois ela é completamente gratuita, cada curso é composto por vários módulos no final dos quais é necessário fazer um teste e atingir uma pontuação mínima, sendo no final de cada curso atribuído um certificado de formação Intel.

domingo, 8 de maio de 2011

A Gestão de Projectos e o Compliance


O termo Compliance é usado para definir a conformidade com políticas, normas, leis e regulamentos a que as organizações estão obrigadas no normal decurso das suas atividades.

A gestão de projetos pode ser um poderoso meio de suporte à implementação e melhoria das iniciativas de compliance ao mesmo tempo que fornece os meios adequados à implementação de mecanismos para o controlo dos projetos da organização.


Porque Falham os Projetos?

Quase diariamente somos confrontados com noticias de obras que excederam o prazo ou o orçamento, sobre projetos que custaram milhões e não atingiram os objetivos.

Para perceber melhor porque falham os projetos convém começar por definir o que é um projeto falhado.


quarta-feira, 4 de maio de 2011

Custo da Baixa Qualidade

Custo da baixa qualidade pode ser definido como o custo em que a organização incorre devido à existência, ou possibilidade de existência, de defeitos nos seus produtos ou serviços. Dito por outras palavras é o custo de fazer errado.


terça-feira, 3 de maio de 2011

Melhorando a Qualidade com Six-Sigma (6 Sigma)

O objetivo do Six Sigma (6 Sigma) é projetar produtos e processos que fazem o que se espera deles com um alto grau de confiabilidade. O 6 Sigma aplica-se a todas as operações da empresa, incluindo as transações comerciais, serviços, desenvolvimento de produto e processos de fabrico. O termo 6 Sigma refere-se a um produto ou processo que gera apenas três defeitos (ou erros) por cada milhão de oportunidades.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

A Certificação PMP e o PMBOK


O que é a Certificação PMP

O PMP é um rigoroso programa de certificação profissional oferecido pelo Project Management Institute (PMI), visando o reconhecimento oficial e público de habilidades individuais no campo da Gestão de Projetos.