PMBOK v5: 6.4 Estimar Recursos das Atividades

Este processo envolve a determinação de quais os recursos (pessoas, equipamentos ou materiais) são necessários para a execução de cada uma das atividades do projeto, em que quantidade esses recursos são necessários, e quando necessitam estar disponíveis. Este processo deve ser coordenado em conjunto com o processo 7.1 Estimar os Custos do Projeto.


Como se pode ver, pelo diagrama de fluxo de atividades que se apresenta abaixo, para estimar os recursos das atividades do projeto é necessário dispor da lista das atividades e dos respetivos atributos.
Quando falámos da EAP / WBS dissemos que, da linha inferior deste diagrama hierárquico constam os pacotes de trabalho e que cada pacote de trabalho identificado deve ter uma descrição detalhada no Dicionário da EAP / WBS. Depois, no âmbito do processo 6.2 Definir as Atividades do Projeto, os vários Pacotes de Trabalho são detalhados nas diversas atividades que os constituem, devendo cada uma dessas atividades ser detalhada num Dicionário de Atividades, idêntico ao Dicionário da EAP / WBS.



Conhecidas em detalhe as diversas atividades do projeto necessitamos de conhecer a lista de recursos que temos à nossa disposição e alguma informação (políticas de recursos humanos, informação histórica sobre os recursos, processos de avaliação de desempenho, horário de trabalho, dias de férias, feriados, etc.) em relação aos recursos disponibilizados. Essa informação é fornecida pelos Ativos de Processos Organizacionais, Fatores Ambientais da Empresa e Calendário de Disponibilidade de Recursos.

Não nos devemos esquecer que determinados recursos (pessoas e instalações) são escassos, e necessitam ser reservados com antecedência e podem só estar disponíveis num período determinado de tempo (Por exemplo, consultores, determinados tipos de especialistas, salas de formação, etc.). Este tipo de constrangimentos necessita ser conhecido para que possamos planear o projeto de forma realista.

O objetivo do processo 6.4 Estimar Recursos das Atividades é o de atribuir a cada uma das atividades do projeto os recursos que são necessários para a sua execução. Esta informação deverá atualizar o Dicionário de Atividades do projeto e outros documentos do projeto, permitindo igualmente criar a Estrutura Analítica de Recursos / Resource Breakdown Structure (EAR / RBS).

O PMBOK v4 propõe 5 Ferramentas e Técnicas que podem ser usadas para estimar os recursos do projeto, sendo que, cada uma dessas ferramentas tem uma utilização específica podendo ser usada em situações ou em momentos distintos do processo.

As 5 Ferramentas e Técnicas propostas pelo PMBOK v5 são as seguintes:

Avaliação de Peritos – Significa recorrer a especialistas nas atividades em causa, ou que anteriormente tenham gerido projetos semelhantes e que possam dar as suas opiniões sobre os recursos que são necessários (ver artigo neste blog com mais detalhe sobre o uso de peritos para as atividades de planeamento do projeto);

Análise de Alternativas – Consiste em considerar diferentes opções sobre a forma como os recursos deverão ser atribuídos a cada uma das atividades. As alternativas devem considerar variações no número e no tipo de recursos que serão utilizados;

Dados Publicados para Auxilio a Estimativas – Em muitas das indústrias existe informação publicada, quer sejam livros, artigos, estatísticas ou outro tipo de dados que ajudam a estimar as necessidades de recursos para as atividades;

Estimativas de Baixo para Cima (bottom-up) – São estimativas do particular para o geral. Uma vez que já temos construída a EAP / WBS, a lista de atividades e os respetivos atributos, esta técnica consiste em estimar os recursos para cada uma das atividades do projeto e depois, através de um processo de agregação, obter as estimativas para cada um dos pacotes de trabalho e para os diversos ramos de atividade do projeto;
 
Software para a Gestão de Projeto – O mais conhecido e comummente usado é o MS Project, mas existem muitos outros produtos de software, alguns gratuitos e/ou disponíveis online, que são desenhados especificamente para ajudar nas tarefas de gestão de projetos, e que ajudam o gestor de projeto a encontrar rapidamente a melhor combinação de recursos. Contudo, nesta área como em outras, o software é útil mas não produz por magia bons gestores de projeto (ver artigo neste blog).


6.4 Estimar os Recursos por Atividade
Entradas
Ferramentas e Técnicas
Resultados
Plano de Gestão do Calendário
Requisitos de Recursos das Atividades
Lista e Atributos de Atividades
Análise de Alternativas
Estrutura Analítica de Recursos (Resource Breakdown Structure RBS).
Calendário de Disponibilidade de Recursos
Dados Publicados para Auxilio a Estimativas
Atualização dos Documentos do Projeto



Artigo atualizado a 28-Jan-2016 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

9 Programas de Software Grátis para Gestão de Projetos

PMBOK: Ferramentas e Técnicas - Estimar Custos do Projeto

Como Fazer o Plano de Comunicação do Projeto